• Gif;base64,R0lGODlhAQABAAAAACH5BAEKAAEALAAAAAABAAEAAAICTAEAOw==

Atualizado descritivo de petições primárias de registro

A ANVISA informa que a partir de 31 de agosto, as solicitações deixam de ser diferenciadas entre produtos nacionais e importados.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) informa às empresas detentoras de registros e cadastros de dispositivos médicos, bem como aquelas que pretendem encaminhar petições junto à área, que houve atualização nos descritivos dos códigos de assunto de petições primárias.

De acordo com a Gerência Geral de Tecnologia de Produtos para Saúde (GGTPS), desde o dia 31 de agosto de 2018, os assuntos de petições primárias de materiais e equipamentos, submetidos à Gerência de Tecnologia de Materiais de Uso em Saúde (GEMAT) e à Gerência de Tecnologia em Equipamentos (GQUIP), deixam de ser diferenciados entre nacionais e importados.

Essa alteração não demanda qualquer ação por parte dos detentores de registros e cadastros, uma vez que será executada diretamente no banco de dados da Agência.

Clique aqui e confira a figura que ilustra o que ocorrerá  com os assuntos de petição no sistema de peticionamento eletrônico da Agência.

Fonte: Ascom/Anvisa

Publicado em: 14/09/2018

Compartilhar

Mais notícias: